Share |

Identificado líquido e responsáveis pelo camião cisterna que percorreu 200 km para descarga ilegal em Aveiro

Foto Notícias de Aveiro

A 27 de junho, foi apreendido um camião que fazia uma descarga ilegal num coletor da rede de saneamento na zona industrial de Mamodeiro. O camião cisterna percorrera mais de 200 quilómetros desde a zona de Chamusca até Aveiro.

Em resposta ao Bloco de Esquerda, o Ministério do Ambiente identifica a empresa transportadora como sendo a Ambipombal - Gestão de Resíduos SA. O conteúdo da cisterna era proveniente de um aterro da Resitejo - Associação de Gestão e Tratamento dos Lixos do Médio Tejo. O seu conteúdo era lixiviado de um aterro.

O Bloco de Esquerda considera que os factos relatados são graves e colocam em causa a saúde pública e a rede de saneamento do concelho. Espera que se averigúe se ocorreram outras descargas e que sejam implementadas medidas de maior controlo para evitar situações futuras semelhantes. Espera ainda que as entidades competentes façam um trabalho exaustivo para apurar e imputar as devidas responsabilidades aos infratores.